sexta-feira, 4 de dezembro de 2009

Poema ao amor


Me encantam teus olhos que brilham
Tuas suaves mãos que me acalantam,
Teus traços bem feitos onde trilham
Meus doces beijos que te encantam.
*
E tua voz murmurando em meu ouvido
Faz minha pele todinha se arrepiar,
Sabes que esta vida não teria sentido,
Se eu fosse proibida de te amar.
*
E me flagro com teu rosto em minha mente
Alternando tuas palavras em meus pensamentos,
Lembro-me cada verso, cada semente
Semeada em nossa alma em todos os momentos.
*
E, pudesse eu, cantaria agora ao mundo,
Que te amo e que este amor é tão bonito!
Registraria em todo canto, a cada segundo,
Maior que o meu amor, nem mesmo o infinito!
***
(Ivone da Conceição R. Carvalho)

2 comentários:

prosasdeoutono disse...

Olá Cristiana,

Bonito poema ao Amor.

Beijinhos
Alex

Cristiana disse...

Também achei muito lindo e por isso o escolhi.
Volte quando quiser :-)